Comprando remédios na Holanda

Posted in História by
Booking.com

Hoje vou falar um pouco sobre como comprar remédios na Holanda.

Primeiramente falarei dos remedios que são “liberados” como os antitérmicos e antinflamatórios.

Esse tipo de remédio você encontra em qualquer farmácia e até lojas de departamento como Kruidvat, Etos, Dio, etc.

Paracetamol você pode encontrar em qualquer supermercado, o que não vi nesses estabelecimentos foram os antiflamatórios, mas pode ter sido apenas nos supermercados que eu fui.

Os remédios que precisam de prescrição tais como antibióticos, remédios para diabetes, anticoncepcional e etc, você precisa da receita de um médico local ou caso você tenha a receita em sua língua poderá ir a uma apotheek, que como são chamadas as farmácias que vendem apenas medicamentos, elas se diferem de outras como DIO, Etos porque nas apotheeks não se vende café, shampoo, condicionador, vendem apenas medicamentos e alguns produtos para pele.

Vou contar minha experiência ao comprar o anticoncepcional aqui, como eu tinha a receita da minha médica brasileira, eu fui a uma apotheek perto de casa e solicitei a compra, sempre que vou comprar preciso pagar um  valor de € 15,04 pela receita, se você souber do nome do seu anticoncepcional no país agiliza bastante, o meu no Brasil se chama Stezza aqui ele se chama Zoely e custa 25,36 para três meses.

Abaixo vou mostrar para vocês a caixa do anticoncepcional e a receita da Huisart(farmacêutica/farmacêutico).

Previous Post Next Post

4 Comments

  • Reply Jackie

    Muito obrigada pelo seu post! Estava em dúvidas a respeito deste tema. Vou para Amsterda e faço uso de antidiabético oral, tenho a receita médica em português. Logo, vou ter que pagar por uma nova receita em holandês e depois comprar o medicamento( tarja vermelha no Brasil)
    Quanto tempo leva para o farmacêutico local fazer a tradução da receita? Seria no mesmo dia? Perdão por perguntar tanto. Um grande abraço!

    3 de abril de 2018 at 09:43
    • Reply Kely Rufino

      Oi Jackie,
      Obrigada por ler o blog.
      Nem todas as farmácias tem farmacêutico que traduz para você, mas aí eles usam o google Translate. E sim é no mesmo dia caso o farmacêutico esteja na farmácia.
      Em casos de doenças crônicas como diabetes, hipertensão, problemas cardíacos, o sistema de saúde aqui dá bastante atenção, então assim que você chegar e tiver com seu seguro saúde já pode procurar um huisart, explicar sua situação e ele te encaminha para um centro especializado, o bom que você recebe os remédios.

      9 de abril de 2018 at 03:41
  • Reply Amanda

    Kelly, ainda bem que encontrei sua página. Me mudarei p Eindhoven e estava super preocupada com a questão do anticoncepcional, já que tomo stezza continuamente há 1 ano e foi o único que me fez não ter escape.
    Minha gineco havia falado que não teria ele na holanda e agora vendo seu post me bateu uma baita tranquilidade.
    Só fiquei com uma dúvida: se eu levar a receita em inglês com o nome do medicamento aí (Zoely), precisarei pagar essa taxa que você mencionou?
    Muito obrigada!!

    9 de maio de 2017 at 15:24
    • Reply Kely Rufino

      Amanda,
      Sim, porque na verdade a taxa é pela farmácia fazer a receita local, válida em todas as farmácias na Holanda, mas quando você fizer seu plano de saúde aqui pode optar por um que ressarce o valor do anticoncepcional e outros medicamentos.

      Desculpe a demora na resposta, tive alguns contratempos esses dias.

      Boa Sorte em Eidhoven 🙂

      23 de maio de 2017 at 05:29

    Leave a Reply

    This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.

    Você também pode gostar