Como vim parar em Londres

Posted in História by
Como vim parar em Londres

Hoje vou falar sobre algo que muita gente que me lê aqui e me acompanha nas redes sociais também me pergunta bastante que é como vim parar em Londres.

Bem vamos lá: Em Maio de 2018 visitei Londres a turismo e fiquei completamente apaixonada pela cidade, pela energia, vibração, pontos turísticos, pubs, lojas, artistas de rua, então voltei a Holanda, mas já com aquele sentimento de: quero/preciso morar em Londres.

Como não tenho passaporte europeu, no inicio me pareceu impossível, mas mesmo assim, eu e meu marido decidimos tentar.

Ele aplicou para algumas vagas de emprego aqui em Londres, pensando que conseguiria um emprego com um ano ou dois.

Mas para nossa surpresa e alegria, ele fez entrevistas em duas semanas, e no final do mês ele tava recebendo a proposta de duas empresas que patrocinavam o visto.

Aí começou nossa história em busca da documentação para o visto, a maior preocupação foi com o teste de IELTS, pois ele ainda não tinha e para fazer na Holanda teria que ser dali dois meses.

Começamos então a pesquisar nos países vizinhos uma data disponível, até que ele teve a ideia de procurar uma data em Londres, e como ele previra tinha data disponível para dali a 15 dias, então compramos a passagem, hospedagem, e pagamos o exame.

Ele pagou um professor no Italki, aplicativo onde você tem acesso a professores nativos a preços mais acessíveis, caso se interesse usa aqui o meu link e tanto você quanto eu ganhamos uma aula grátis.

Meu marido fez duas aulas com um professor do Italki além de pagar um site onde corrigia a gramática dele e a escrita, e veio fazer o teste.

Esperamos 10 dias pelo resultado do teste, todo dia uma agonia, e quando o resultado saiu, o escore dava para solicitar o visto, mas aí esbarramos em um novo obstáculo.

Precisaríamos ter o teste impresso para aplicação do visto, porém não tínhamos endereço na Holanda para receber a via, sem falar que enviar para um endereço na Holanda levaria até 15 dias, fique com isso em mente.

Então pedimos para o resultado ser entregue na empresa onde ele trabalharia, mas a empresa nunca recebeu, ligamos para o lugar onde ele fez o exame e pedimos a segunda via, que foi prontamente enviado mas,

dessa vez enviamos para a casa de um casal de amigos que já estavam morando aqui, e chegou em dois dias para eles que por sua vez nos enviaram através de uma transportadora e nós fomos buscar em um ponto de coleta.

Como foi transportadora particular pudemos escolher a data de entrega, e recebemos em 2 dias.

Ufa! Muita historia né? Mas continua aqui comigo que tá acabando.

Com o  resultado do IELTS em mãos, começamos o processo de pedido de visto no site do governo.

Ah! Outro documento importante foi o  Certificate Of  Sponsorship (CoS), ou em português o certificado de patrocínio, que foi o documento enviado pela empresa comprovando que ela estava patrocinando os nossos vistos.

Como patrocínio não entenda que eles pagaram os custos do visto porquê esses, nós tivemos que pagar.

Continuando…

Com o CoS e o Código do IELTS em mãos demos entrada no visto TIER 2.

A continuação dessa história, eu vou contar em um novo post.

Fique ligado aqui e se cadastra na newsletter para não perder.

 

Ah! E me segue nas redes sociais também:

mundoporkely facebook

8 de maio de 2019
Previous Post

Leave a Reply

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Você também pode gostar